Recuperação de empresa (business turnaround)

Em um ambiente altamente competitivo é comum deparar-se com dificuldades, sejam elas financeiras, administrativas ou operacionais. Para ajudar empresários nestas situações oferecemos diversos serviços para identificar os primeiros sinais da crise, fazer a gestão de recuperação e monitorar os resultados.

Em alguns casos adquirimos participações nas empresas e atuamos no dia a dia identificando e solucionando os problemas que levaram a empresa à uma situação crítica.

Para essas situações, atuamos através de outra empresa: www.doisrioscapital.com.br


participações em empresas

Nas empresas nas quais adquirimos participações, além dos serviços citados acima, também realizamos uma revisão no Modelo de Negócios e desdobramos essas mudanças para diversas áreas da empresa: estratégia comercial, marketing e cultura organizacional.

O foco é utilizar toda a experiência da equipe atual em um novo direcionamento para a empresa, otimizando custos e todos os ativos que a empresa possui.

Neste processo, primeiramente é feita uma avaliação da empresa (valuation) e negociação de participação com os atuais sócios. Ao mesmo tempo é feito um levantamento dos principais problemas que a empresa enfrenta hoje e suas possíveis soluções, que podem ser apenas financeiras ou também operacionais/administrativas.

E para que essa mudança seja efetiva e de longo prazo, nós assumimos o total controle das operações da empresa por pelo menos 90 dias e em alguns casos mais críticos esse período pode ser maior.

Passada a crise, é feita a venda da participação para um novo player (geralmente uma fusão com concorrente ou aquisição por um investidor) ou até mesmo a venda para o antigo dono, tudo irá depender dos termos acordados inicialmente no processo.

O processo todo, desde a nossa entrada na empresa até o desinvestimento, pode levar mais de 2 anos, mas geralmente a empresa começa a apresentar sinais de recuperação já nos primeiros meses de operação.


atuação

  • Empresas pequenas e médias.
  • Empresas em início de crise ou casos avançados de dificuldades.
  • Empresas sem resultados expressivos.
  • Empresas do Brasil e do Paraguai.